Longa vida aos pais imperfeitos

Vivemos num tempo desgastante, avassalador e extremamente exigente; Um tempo em que a palavra perfeição parece andar de mãos dadas com metade do mundo, e a circular na boca da outra metade. Foi a pensar nisto que resolvi escrever este texto, uma espécie de manifesto em honra dos pais imperfeitos a quem só posso desejar…

“Quem manda é a Nonô!”

Quando eles acham que (já) mandam, mesmo tendo apenas 2 anos. Não é preciso exagerar na reacção. É preciso é manter o foco e aproveitar o momento para brincar com eles.

“Papá, ti’ou a falda!”

22:00.
Quarto escuro como breu.
Mãe a passar a ferro.
Pai a arrumar a cozinha… depois de ter ido deitar a menina…

5 conselhos práticos para uma ida ao Zoo com bebés

Pois é. Custou mas foi. Tinhamos comprado os bilhetes para os três em Maio, por altura do 2.º aniversário da Leonor. Mas como a vida nem sempre anda à velocidade que queremos, acabámos por ir apenas no início de Julho. Mais um bocadinho e os bilhetes perdiam a validade, e eu perdia 43€. E de…

“É só a Nonô!”

Esta é talvez a frase preferida dela – “É só a Nonô!” E define bem este ser pequenino com 13 quilos e quase 90 centímetros. Aviso-vos já que o que se passou até aqui foi “pra meninos”. Do alto dos seus 2 anos, a Leonor desafia a cada dia os nossos limites, tenta ir mais…

A minha filha estranha os estranhos e eu não acho isso nada estranho

Detesta que a agarrem durante mais tempo do que aquele que ela considera efectivamente necessário.
Faz isso comigo. Especialmente nos abraços, que entende não deverem ser mais longos do que 2 ou 3 segundos, e já é esticar a corda. Portanto. Se ela faz isto ao pai… porque é que haveria de ser diferente com os outros? Hein? Pois…

Ainda tão nova e já começa a dar despesas…

Acabou de fazer 2 anos e já começa a dar despesa. Acreditem que é verdade. Felizmente estas coisas já têm solução. =) Para meu sossego ainda existe algum bom senso nas instituições, e a pessoa tem sempre a possibilidade de ligar para a Vodafone e perguntar o que é que se passa com a factura…

Ela vai sem fralda, senhores. E agora?

Não é fácil. De todo. Mas é fazível. Perfeitamente. Afinal de contas nenhum de nós vai para a faculdade a fazer xixi nas cuecas. Certo? Por isso, força! Coragem. Determinação. Preserverança e… boa sorte!

3, 2, 1… Go! A 1ª festa temática!

Mesmo antes de engravidar e de ter um blog já seguia várias contas no Instagram com fotografias daquelas de cair “pro” lado. Fotografias de festas lindas, com tudo no seu devido lugar, tudo a condizer e a fazer sentido… as crianças a brincar, os adultos a conversar e a beber um copo num ambiente absolutamente…